Abdominoplastia

O Dr. José Amandio realiza a Cirurgia de abdominoplastia com atendimento em Salvador e Petrolina.

Fatores como gestações múltiplas e a genética contribuem para o desenvolvimento de flacidez da pele, depósitos de gordura e marcas de distensão na região abdominal. Mesmo a perda de peso substancial pode contribuir para o desenvolvimento de flacidez da pele abdominal. Como dietas e rotina de atividades físicas não surtem efeito na área flácida – apesar de reduzir, sim, o seu volume – o abdome pode assumir tamanho desproporcional em relação ao corpo como um todo.

A abdominoplastia é recomendada para pessoas que perderam muito peso e mulheres que já tiveram gestações e não pretendem ter outros filhos. Isso porque estes acontecimentos – junto com os efeitos do tempo – enfraquecem os músculos abdominais verticais. Além disso, gestações futuras, alterações do peso e cicatrizes de cirurgias anteriores podem reduzir a eficácia e longevidade do tratamento.

Video Relacionado

​Duração:

De 2 a 5 horas.

​Pós-operatório:

Os pacientes podem sentir dor, inchaço, equimose ou dormência temporários na pele abdominal, por varias semanas ou vários meses.

​Riscos:

Riscos possíveis podem incluir infecção e coágulos de sangue, seromas, má cicatrização com cicatrizes irregulares ou altas ou perda de pele, e a necessidade de uma segunda operação.

​Técnica Utilizada:

Normalmente o cirurgião fará uma longa incisão de um lado ao outro do ilíaco (região acima da área púbica) com uma segunda incisão livre para liberar o umbigo do tecido que o circunda. O cirurgião separará a pele da parede abdominal até as costelas, levantando uma grande parte da pele para aparecerem os músculos verticais do abdômen. Ele enrijece os músculos prendendo-os juntos em uma nova posição. Alguns pacientes se candidatam para uma redução de barriga “mínima”, se a maioria de sua gordura estiver abaixo do umbigo, um procedimento considerado menos complexo.

​Anestesia:

Geral

Inscreva-se!

Inscreva-se!

Cadastrado com sucesso!